Israel, tradicionalmente conhecido por Jerusalém, surpreende e oferece atrações para todos os gostos, localizada no Oriente Médio, ao longo da costa oriental do Mar Mediterrâneo. O país faz fronteira com o Líbano ao norte, com a Síria a nordeste, com a Jordânia e a Cisjordânia a leste, com o Egito e a Faixa de Gaza ao sudoeste, e com o Golfo de Aqaba, no Mar Vermelho, ao sul.

Com sua bagagem histórica muito rica, tanto no período da antiguidade quanto na modernidade, sendo possível em cada passeio, traçar a linha histórica em meio a belas paisagens, patrimônios e monumentos.

Devido a sua extensão territorial ser relativamente pequena, sua vantagem se dá na proximidade das atrações. Podendo em apenas um dia, conhecer diversos passeios.

preview

Organizar uma viagem para Israel pode não ser uma tarefa fácil, porém o motivo é dos melhores! Temos uma vasta experiência com esse destino e grupos regulares durante o ano. São tantos lugares para conhecer que fica difícil decidir o roteiro. Os passeios em Israel são acompanhados por guias credenciados pelo Ministério do Turismo e seguem um rígido controle de qualidade, prezando pela segurança e integridade dos turistas presentes.

Ao sul de Israel, na região do deserto da Judéia, cheio de paisagens deslumbrantes. No ponto mais baixo da Terra-a 400 metros abaixo do nível do mar-temos Mar Morto que reserva maravilhosas banhos e vistas. O constante nevoeiro de poeira que paira sobre a região confunde o céu com o mar (que na verdade é um lago) e mostra um dos mais belos espetáculos naturais de Israel: a água de um azul intenso, com textura oleosa, famosa não só pelas propriedades medicinais cicatrizantes, mas também pelo excesso de sal. Tal característica permite que turistas flutuem na água sem nenhum esforço e fazem do Mar Morto um icônico cartão postal local.

israel-1.jpg - 233,39 kB

Vizinho do Mar Morto está o sítio arqueológico de Massada. A antiga cidade, construída em 30 a.C no topo de uma montanha em meio ao deserto, onde foi construído um dos palácios de Herodes. O lugar é acessível por teleférico e, do alto, tem uma vista fabulosa.

Além da experiência de mergulho e das ruínas de Massada, quem passa pela região do Mar Morto poderá visitar Ein Gedi, um oásis natural com quedas d’água bem no meio do Deserto da Judéia. No local também está o Kibutz Ein Gedi, onde um incrível Jardim Botânico com plantas dos cinco continentes é cultivado em meio às colinas do deserto. Outro ponto a ser visitado pelos grupos na região é sítio arqueológico de Qumeran, onde foram encontrados os Pergaminhos do Mar Morto, há mais de 2.000 anos escondidos nas cavernas.